sexta-feira, julho 18, 2008


Torais (T) 2005

Provado no restaurante Luar de Janeiro (Évora), na sequência de uma salada de coelho ao vinagrete e a acompanhar umas anafadas e roliças bochechas de porco preto. No copo, muita cor (quase opaco). No nariz, muita juventude. No todo, muita extracção, em força e deveras maduro. Taninos discretos e maduríssimos, com o espectável corpo arredondado. É uma pequena bomba de fruta, quase no excesso, mas com laivos curiosos (que gostámos) de rusticidade, pronta a agradar. Se levasse pontuação - i.e., se a prova tivesse sido feita noutro local e com rigor - seria bem capaz de se situar no intervalo 16-16,5. Para quem não dispensa sensações fortes quando se trata de vinhos tintos, a menos de € 12 (PVP) tem aqui qualidade alentejana a um preço que nos parece justificado.
*

4 comentários:

Anónimo disse...

TORAIS ou Tourais???

A sensação foi mesmo forte

Nuno de Oliveira Garcia disse...

Torais, sem dúvida, como a foto documenta. Muito obrigado pelo reparo.

Nuno Oliveira Garcia

Anónimo disse...

É branco ou tinto???

Nuno de Oliveira Garcia disse...

Caro Anónimo,

É tinto.

A referência a (T) significa tinto; (B) a branco; (R) a rosé; (P) a Porto.

NOG