segunda-feira, fevereiro 06, 2006

Couteiro-Mor Antão Vaz (B) 2003


Os vinhos brancos deste Inverno estão a revelar-se superiormente bons. Depois das óptimas referências anteriores (ver post de 24 de Janeiro de 2006), provámos outra surpresa muito, muito boa.
Foi a vez do Antão Vaz de 2003 dos produtores Couteiro-Mor. Esta casa, situada em Montemor, tem vindo a fazer grandes vinhos, brancos e, sobretudo, tintos (com o "Vale do Ancho 2003" em destaque).
Este Couteiro-Mor tem ainda duas grandes vantagens, a saber: i) a capacidade para ser guardado em garrafeira até 3/4 anos depois de engarrafado; e ii) um preço quase imbatível (abaixo dos € 7 quando o comprei, faz já algum tempo).
Mas foi logo na cor, apesar dos elogios que se vão seguir, que o vinho menos brilhou – mostrou uma cor algo pálida, com transparências evidentes. Na boca, ao invés, mostrou-se altivo, com boa reprodução da casta alentejana, com os elementos minerais a sobressair atribuindo ao néctar uma frescura irrepreensível. Bom corpo e final persistente.
Após anos e anos de vinhos brancos de pouca categoria (sobretudo no Alentejo), podemos começar a concluir que existe hoje já uma “mão-cheia” de produtores a trabalharem muito bem as castas brancas um pouco por todo o país. Sobretudo as nacionais (Alvarinho, Encruzado, Arinto e Antão Vaz), mas também algumas estrangeiras (Sauvignon Blanc e Chardonnay).

5 comentários:

A. Simoes disse...

Caro Amigo Nuno Garcia no Ganhão (garrafeira) custa €4,75

Nuno de Oliveira Garcia disse...

Caro António,

Belo preço então.

N.

Anónimo disse...

Very nice site! 1967 67 pontiac firebird gto factory air cleaner Laser tattoo removal hemphill north carolina carinsurance job Washer automatic water level Zocor and lobid cheap car insurance lady Pilates reformer sale used automobile insurance quotes in ontario Merchant account service provider high risk offsho Household insurance italian Neurontin zyprexa Free business cards downloads High+net+worth+property+insurance 2006 pilates training south jersey Learning journeys top management experts share hard-earned automobile insurance maine quote

Anónimo disse...

Já conhecem o projecto Wine O´Clock, dizem ser o mais ambicioso e inovador conceito de cadeia de lojas para todo o pais pelo que me disseram amigos que visitaram a unidade de Matosinhos é fabuloso e Aveiro foi inaugurado á duas semanas, a 10 de Novembro é cá em Lisboa e ao que me disseram será na zona das Amoreiras. Cá fico a aguardar. Segundo um amigo muito ligado ao mundo do vinho as duas pessoas que movimentam o projecto são verdadeiros Maníacos pelo mundo do vinho e verdadeiras enciclopédias humanas...venham eles que Lisboa está uma autentica pasmaceira. Abraço Baquiano.

Anónimo disse...

Sem dúvida que a Wine O´Clock é um projecto fantástico e caro amigo lisboeta vem podes aguardar a chegada a Lisboa, porque o António Nora e Francisco Freitas não brincam em serviço. E fica com a indicação que o responsável pela loja de Lisboa será o Carlos Jorge que se encontrava no Corte Inglês de Lisboa.